Pinheirinha

Família: Haloragaceae

Erva aquática vivaz até 2m. Possui em cada nó 4 a 6 folhas recortadas, verde-azuladas, emergentes e com 15 a 40 mm de comprimento.

Flores amareladas, rosa-claras e unisexuais.

Frutos ovóides com 1,8 x 1,2 mm.

Dispersão vegetativa por dispersão dos caules.

Elódea

Família: Hydrocharitaceae

Erva aquática vivaz verde-escuro com caules finos.

Folhas obtusas frequentemente três em cada nó com 5-12 mm de comprimento e 1-2 mm de largura. As flores flutuam à superfície, são brancas ou em tom púrpura claro com três pétalas e geralmente 3 sépalas; estames amarelos.

As raízes formam tufos fibrosos ao longo do caule.

Espécie dioica; a propagação por sementes é rara devido ao número reduzido de flores masculinas; a reprodução vegetativa por fragmentação é muito comum.

Tritão-marmorado

Tritão de tamanho médio, cabeça achatada, com contorno arredondado e olhos proeminentes em posição lateral, corpo de secção redonda, cauda muito achatada lateralmente de tamanho igual ou ligeiramente superior ao corpo. A pele é granulosa e tem uma coloração dorsal verde, com manchas escuras de dimensão e distribuição variáveis.
Pontos pretos distribuídos mais ou menos regularmente no dorso, correspondendo às saliências da pele. Ventre branco, creme ou cinza. Fêmeas com linha vertebral amarela, laranja ou vermelha. Nos machos a linha vertebral apresenta uma alternância de tons claros e escuros e, na época de reprodução, transforma-se numa crista com bandas verticais claras e escuras alternadas.

Salamandra-de-pintas-amarelas

Salamandra com pele lisa e brilhante, preta com manchas amarelas em número variável. Podem também ter pontuações vermelhas.
Cabeça grande e aplanada, de contorno arredondado. Glândulas parótidas grandes e com poros escuros bem visíveis, olhos relativamente proeminentes, em posição lateral. Corpo robusto com sulcos nos flancos e uma fileira de poros glandulares em cada lado da linha média vertebral.

Rela-comum

Espécie arbórea, cabeça mais larga que comprida com focinho curto e arredondado. Olhos proeminentes, com pupila horizontal elíptica e irís dourada. Tímpano pequeno, mas bem visível. membros compridos, com discos adesivos nas pontas do dedos. Membranas interdigitais relativamente bem desenvolvidas nas patas posteriores. Pele dorsal muito brilhante e lisa com coloração geralmente verde. Banda escura nos flancos que se estende desde o nariz através do olho, do tímpano até à base das patas posteriores. A pele do ventre tem aspecto mais granulosos e cor esbranquiçada ou amarelada.

Rã-verde

A Rã-verde ou Rã-comum é o anfíbio mais frequente em Portugal. É uma rã de grande tamanho cuja coloração e padrões podem variar variar muito a coloração dorsal de fundo é geralmente verde, podendo surgir exemplares acastanhados ou acinzentados. Apresenta uma linha vertebral verde-clara ou amarela e duas pregas dorsolaterais amareladas ou acastanhadas. Tem um tímpano grande e bem visível, de cor castanha ou amarela. Olhos grandes, muito juntos e proeminentes, com pupila horizontal elíptica. Iris Dourada com coloração escura.

Ranúnculo-aquático

Família: Ranunculaceae

Planta flutuante com dois tipos de folhas, submersas e flutuantes. As flores apresentam tépalas brancas e centro amarelo, com cerca de 6mm.

Jacinto-de-água

Família: Pontederiaceae

Erva aquática rizomatosa. Folhas aéreas verdes. Flores azuis ou violetas com 5 a 7 cm de diâmetro agrupadas em espigas de 15 cm contendo cada uma cerca de 8 a 12 flores. A reprodução vegetativa é comum mas também pode produzir semente e fruto.

Hortelã-de-água

Família: Labiatae (Lamiaceae).

Planta herbácea emergente, perene e rizomatosa, que cresce até cerca de 1m de altura. As folhas são ovadas, opostas, verdes escuras, possuindo, por vezes, um tom roxo (púrpura). As inflorescências são roxas e semi-esféricas. O caule é quadrangular e de cor roxo.

Nenúfar

Família: Potamogetonaceae

Esta espécie possui folhas flutuantes, circulares, até 30cm de diâmetro e com um longo pecíolo que se estende até ao rizoma. As flores são brancas com estames de anteras amarelas.